Conheça o nosso Gabinete Técnico

Com a BMI Expert queríamos ir um passo mais além para trabalhar em equipa com os nossos clientes. O nosso objetivo é responder à necessidade de arquitetos, prescritores, construtores e instaladores contarem com aconselhamento profissional.

Ao longo de todas as fases do processo construtivo, surgem diferentes necessidades de informação e cálculos, que podem ser muito complexos, dependendo das exigências do edifício.

O processo começa com a escolha de sistemas para cobertura plana ou inclinada, e inclui todas as fases de cálculos, descrição de materiais, volumes, e finalmente execução e instalação em obra, até à verificação final das condições do edifício.

 

A BMI Expert é constituída por um grupo de profissionais qualificados com décadas de experiência na conceção e construção de coberturas planas e inclinadas. Se precisar, esta equipa entrará em contacto consigo para lhe oferecer um serviço de aconselhamento personalizado e gratuito. O apoio que oferecemos é muito variado, e responde à crescente complexidade das soluções e também às novas regulamentações técnicas, cada vez mais exigentes em termos de segurança, eficiência e conforto.

Com tudo isto, queremos também reforçar a transparência e a confiança nas nossas soluções construtivas.

Necessita de aconselhamento técnico?

Explique-nos o seu projeto e a equipa BMI Expert entrará em contacto consigo para dar-lhe uma solução.

 

Contactar com BMI Expert

Serviços do Gabinete Técnico

Embora os conselhos da BMI Expert sejam completamente personalizados, deixamos alguns exemplos do trabalho realizado pela nossa equipa:
  • MATERIAIS - uma vez selecionado o sistema construtivo, os nossos cálculos facilitam a orçamentação, especialmente para os pontos singulares da cobertura.
  • MEMÓRIAS DESCRITIVAS - este serviço de prescrição ajuda a garantir que o projeto é realizado tal como foi concebido pelo arquiteto, e concentra-se principalmente nos pontos de encontro e conexão da cobertura com os elementos de construivos adjacentes.
  • REABILITAÇÃO DE TELHADOS- especialmente orientada para melhorar o isolamento térmico e acústico em obras de reabilitação com cobertura inclinada.
  • CÁLCULOS HIGROMÉTRICOS - orientados a dimensionar o isolamento térmico adequado e minimizar o risco de condensação intersticial.
  • CÁLCULO DA ENVOLVENTE TÉRMICA - com base na transmitância térmica normativa da zona, calcularemos os valores necessários nos componentes da cobertura e recomendaremos a solução mais apropriada.
  • PENDENTE MÍNIMA DA COBERTURA - orientada também para coberturas inclinadas, a inclinação mínima é determinada, de acordo com as normativas, pela área geográfica, o nível de exposição da zona em concreto e o comprimento da cobertura.
  • PROTEÇÃO CONTRA O GÁS RADÃO - oferecendo soluções completas que funcionam como uma barreira proteção, impedindo a entrada de gás no interior dos edifícios.
  • CÁLCULOS DO VENTO A SUCÇÃO: Cálculo baseado nas normativas Eurocódigo e CTE. Este relatório é muito útil tanto para a gestão do projeto como para os instaladores, facilitando a sua tarefa.

E para reabilitação de coberturas?

Guia rápido do desempenho básico da cobertura

Um dos objetivos da BMI Expert é ajudar a introduzir soluções novas, cada vez mais eficientes e sustentáveis, e isto também se aplica à reabilitação das coberturas e telhados.

De facto, a renovação de edifícios está atualmente a tornar-se a principal prioridade na construção, por duas razões.

Por um lado, é uma grande oportunidade para melhorar a qualidade de vida dos utilizadores em termos de conforto e desempenho das suas casas. Mais ainda numa altura em que os hábitos profissionais e pessoais estão a mudar, e estão a surgir novas necessidades às quais os edifícios têm de responder.

Mas também temos a obrigação de tornar as nossas cidades mais eficientes e sustentáveis, respondendo ao maior desafio do nosso tempo.

 

É por isso que a equipa da BMI Expert está especialmente empenhada com os projetos de reabilitação de coberturas.

Comportamento da cobertura

Guia rápido do desempenho básico da cobertura

Estanqueidade

A função mais óbvia de uma cobertura é a de nos proteger da chuva e da neve. Para garantir isso, é essencial a instalação de lâminas ou bandas de impermeabilização. Também se deve prestar atenção às juntas e pontos singulares do telhado, que são particularmente vulneráveis a este aspecto, tais como as cumeeiras, ou as juntas com chaminés e acessos.

Isolamento Térmico

 A seguinte função fundamental é a de nos proteger do frio e do calor.


A condutividade térmica é a capacidade dos materiais de transmitir calor e é representada pela letra lambda (λ). Os materiais transmitem o calor através do movimento das suas moléculas; dependendo da estrutura de um material, transmite mais ou menos calor. Quanto mais baixo seja o λ,  o material é melhor a isolar.


Numa cobertura, quer seja plana ou inclinada, é essencial incorporar um isolamento térmico, quer seja poliisocianurato (PIR), poliestireno expandido (EPS), etc. É também crucial que o isolamento cubra toda a superfície de forma mais contínua e completa quanto possível para minimizar as pontes térmicas.


As coberturas inclinadas micro-ventiladas contribuem para a regulação higrotérmica do edifício, uma vez que a circulação de ar sob as telhas amortece as mudanças de temperatura e ajuda a eliminar as condensações.


Por outro lado, as coberturas planas verdes ambém ajudam a regular a temperatura do interior do edifício, uma vez que a camada vegetal absorve parte da temperatura exterior, impedindo a sua transmissão para o interior do edifício.

Isolamento Acústico

A cobertura também nos isola dos ruídos exteriores, começando com a própria chuva. Embora a instalação de isolamento no interior da casa seja sempre recomendada, alguns isolamentos térmicos instalados na cobertura têm também excelentes propriedades de isolamento acústico e são capazes de cumprir a norma passivhaus para Edifícios com consumo quase nulo de energia ECCN.

Resistência Mecânica

Os requisitos da resistência mecânica podem variar muito dependendo da utilização prevista da cobertura.


Alguns são óbvios: uma cobertura deve ser capaz de suportar o peso dos seus próprios materiais e também o peso da neve que pode acumular-se sobre ela.


No caso de cobertuas planas transitáveis, devem também suportar o peso dos peões, e mesmo o peso dos veículos no caso das coberturas parking.

Resistência aos agentes atmosféricos

Resistência ao vento

Ao escolher os materiais para uma cobertura e o seu sistema de fixação, deve ter em conta o nível de exposição do local específico onde o edifício vai ser implantado. Algumas são zonas abrigadas, por exemplo as situadas num vale rodeado de colinas, enquanto outras, como a linha costeira ou as montanhas, são frequentemente fustigadas pelo vento.


No caso de coberturas inclinadas, as telhas e peças têm de ser fixadas com parafusos e outros elementos de fixação, e o número e a posição das telhas a fixar depende do tipo de telha e da inclinação do telhado.


Para coberturas planas, existem diferentes tipos de soluções para as lâminas de impermeabilização, desde a fixação por bandas adesivas até à fixação mecânica, ou também impermeabilização líquida, o que resulta numa superfície contínua.

Resistência à geada

Esta é particularmente crítica no caso das telhas, porque à medida que são feitas de argila ou cimento, ambos materiais porosos, a água entra nestes poros, e quando congela, o seu volume aumenta. Este fenómeno, conhecido como congelamento, pode enfraquecer a estrutura das telhas, causando grandes fissuras e até rupturas.


Por esta razão, em áreas com geadas frequentes, é necessário escolher telhas com porosidade baixa, capazes de resistir a muitos ciclos de congelação-descongelação.

Resistência ao fogo

A cobertura deve estar protegida contra faíscas acidentais, relâmpagos, etc. e os materiais que a cobrem devem ser incombustíveis.

Contacte-nos para aconselhamento gratuito da BMI Expert

Tem alguma dúvida? Peça informações à nossa equipa de especialistas